quarta-feira, 18 de agosto de 2010

puta-que-pariu, se tem algo que eu detesto sentir é essa tal de angústia, isso que me consome e não e deixa pensar em mais nada a não ser em que me fez sentir assim, argh, eu odeio me sentir um idiota inútil, odeio odeio!

domingo, 15 de agosto de 2010

O medo, a distância
O tempo, a saudade.

Todos filhos do mesmo pai.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Isso não se faz. Sabe, isso é tão injusto! É tudo tão mesquinho e egoísta... Não quero acreditar que isso esteja acontecendo. Não quero.