sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

  Talvez um dia quando eu não mais estiver, você se lembre o quanto me importei e o que senti. E que era de verdade. E que era tudo seu. Mas só perceba. Porque até você se dar conta eu já estarei bem longe. Presa no seu passado.